Páginas

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Qual a diferença entre psicólogo, psicanalista e psiquiatra?

Recentemente, me dei conta que essa é uma dúvida muito corriqueira entre as pessoas de um modo geral, daí a necessidade de elucidação. Vejamos:

Psicólogo é o profissional com graduação (curso universitário) em Psicologia. Este profissional pode se dedicar à área clínica ou não. A Psicologia possui um diversificado leque de segmentos e especializações, tais como:

• Psicologia Organizacional: Aqui a psicologia é aplicada aos contextos organizacionais, ou seja, em empresas. O psicólogo organizacional trabalha em processo de seleção de pessoal, bem como, nos processos de interação e comportamento dos membros daquela organização.

• Psicologia Escolar: Aqui temos a aplicação da psicologia no estudo da aprendizagem, motivação, avaliação, comportamento e processos de interação dentro das escolas. Atualmente muito se tem ouvido falar da importância do psicólogo escolar no sentido de evitar que a escola se torne um ambiente hostil, com a incidência do tão comentado bullying .

• Psicologia Jurídica: os psicólogos que se dedicam a essa área da psicologia, realizam estudos acerca do comportamento daqueles que descumprem os preceitos legais. Há processos de avaliações de condenados, suspeitos e testemunhas, bem como assistência psicoeducativa aos que estão cumprindo penas.

• Psicologia Clínica: Esta é a área da psicologia que está ligada a prática e investigação dos processos mentais, do comportamento e da psicopatologia. O psicólogo clínico pode trabalhar com avaliações psicológicas (aqui temos também uma área específica da psicologia, qual seja a neuropsicologia) e trabalha com psicoterapia, que pode ter várias orientações: psicanalítica, cognitiva, humanista, fenomenológica-existencial, etc. A formação psicoterápica é obtida por meio de curso de especialização a nível de pós-graduação.

Psicanalista é o profissional com formação em psicanálise. Este profissional não precisa ser psicólogo, ao contrário do que muitas pessoas pensam. Para ser psicanalista é preciso ter um curso superior e realizar a formação em psicanálise. As escolas da psicanálise são variadas, dentre as quais podemos citar: freudiana, lacaniana, kleiniana, winnicottiana, etc.

Psiquiatra é o médico com especialização em psiquiatria. O psiquiatra não é necessariamente psicoterapeuta. A função básica do psiquiatra é a de todo médico: diagnosticar um adoecimento (que neste caso é mental) e prescrever a medicação necessária. Alguns psiquiatras são também psicoterapeutas, para tanto realizam formação (especialização) em psicoterapia, na linha de sua preferência (psicanalítica, cognitiva, humanista...).

Esta semana, uma amiga me perguntou qual seria a diferença entre fazer psicoterapia com um psicanalista e com um psicólogo. Após realizar os esclarecimentos acima, respondi que a escolha de um psicanalista (que pode ser também psicólogo, conforme já vimos) ou de um psicólogo que segue outra linha psicoterápica depende do que a pessoa procura e precisa. Por exemplo, em casos de sintomatologia (adoecimentos) como síndrome do pânico e depressão, por exemplo, o mais indicado é a terapia cognitiva. Em situações onde o sujeito pretende realizar um processo de auto conhecimento e dispõe de mais tempo para investir no processo, talvez a linha psicanalítica fosse mais indicada. Mas, e o psiquiatra? Quando ele deve ser procurado?

As doenças psíquicas possuem, via de regra, dois tratamentos básicos:

1. Psicoterapia;
2. Farmacoterapia.

A psicoterapia nós já vimos quem são os profissionais que podem realizá-la. A farmacoterapia fica ao encargo do psiquiatra. Geralmente, os pacientes chegam aos consultórios psiquiátricos por encaminhamento de outros profissionais, médicos ou psicoterapeutas (não psiquiatras).


Direitos autorais reservados.

KARINA ALECRIM BESSA

2 comentários:

Adriana disse...

por favor me tire uma dúvida:formação em psicanálise e especializção em psicanálise é a mesma coisa?E mestre em psicanálise,doutor em psicanálise?Porque penso que fazer a formação,depois a especializção e ...tenho vontade de fazer a formação em psicanálise mas não sei por onde começar.
Desde já,obrigada.

Karina Bessa disse...

Olá Adriana,

Para ser psicanalista vc precisa fazer formação em psicanálise. Não precisa ser psicólogo ou psiquiatra, basta ter um curso superior.
Mestrado e doutorado são títulos acadêmicos, ou seja, geralmente quem faz esse tipo de pós é quem está inserido na área acadêmica, como professores e/ou pesquisadores.
Penso que o ponto de partida para quem quer trabalhar com saúde mental hoje deve ser uma faculdade de psicologia, pois na graduação vc vai ter contato não só com a psicanálise, mas também com outras linhas de psicoterapia e ao final do curso poderá decidir em que área se especializar.
Boa sorte! :)
Karina.